segunda-feira, setembro 22, 2008

nada de especial

Na passada semana não se passou nada de especial.
A única coisa interessante foi o longão de 33 km / 3 horas no sábado. Da cruz quebrada ao estoril e voltar, fui sozinho, a ouvir a antena 1 e tive a sorte da marginal no concelho de cascais estar com a faixa da esquerda para as bicicletas o que permitiu poupar as pernas do empedrado do passeio, assustei-me quando percebi que tinha perdido uma das garrafas, mas depois foi encontrada algures em oeiras.
As sensações foram as do costume, até às 2 horas tudo na boa e depois uma hora de sofrimento e luta contra a mente, acabei exactamente às 3 horas de treino e usei o km restante para descontrair em marcha rápida. Os dados volumétricos  foram dentro do previsto pelo método K -  coração por volta dos 150 bpm e ritmo nos  5:27 / km.

A próxima é na ponte vasco da gama.

Boa prova a todos os que vão a Berlim!

Abraços,

1 comentário:

Anónimo disse...

é assim Mestre
os maratonistas têm que ter paciência, demora ANOS a conseguir o ritmo, aquele que depois já não sai do corpinho, e só com muitos quilómetros lá se chega.
o teu caminho é o certo. e foi uma boa pulsação, sem dúvida.
Tudo em cima e força nessa mente!
Forte abraço
Abento