segunda-feira, Outubro 27, 2014

Corrida Montepio

Olá!
Cá estou eu no meu post ocasional, desta vez causado pela minha participação na segunda edição da Corrida Montepio.
Este ano teve lugar na baixa lisboeta ao contrário do ano passado que se realizou na zona de Belém. Lisboa sente-se a olhos vistos que está cada vez mais visitada por turistas de todo o mundo e com o bom tempo que se tem feito sentir, ainda mais. O percurso plano e sempre com assistência e o final na praça do comércio só valorizam esta prova que tem tudo para continuar aproveitando o boom do chamado "running" estiveram cerca de 10.000 participantes.
Antes da partida no Rossio tive medo que algo corresse mal, pois a poucos minutos da partida ainda não estavam os participantes colocados no local de partida estando apinhados junto às grades que circundavam o local, mas tudo correu bem sem problemas de maior.
Tinha pensado numa prova controlada (isto parece copy paste dos posts dos ultimos 3 anos) de forma a ter uma experiência positiva dada a falta de treinos que tenho tido, demorei cerca de 2 km até conseguir manter uma velocidade certa devido ao elevado número de participantes, só na entrada para a Av. 24 de Julho é que consegui o ritmo que pretendia como "cruzeiro" até aos 5k, depois daí tentar aumentar ligeiramente de forma a que a prova funcionasse como um treino "tempo running", consegui manter um ritmo abaixo de 5 min/km na segunda metade sem ter grandes efeitos da temperatura elevada que se fazia sentir... terminei nos 51:20 bem melhoe que na ultima corrida do tejo. Agora é mais duas semanitas até a visita habitual à Nazaré desta vez para a 40ª edição da "Mãe".
Abraços e boas corridas!

segunda-feira, Setembro 15, 2014

Corrida do Tejo


Não posso dizer que não tenho corrido, porque tenho, agora treinar a ritmos de gente é que está mais dificil.
Ontem participei na minha primeira prova no escalão +45, um regresso à corrida do tejo, uma clássica, este ano a marcar a reentré na viragem da quinzena de Setembro, pois a data habitual costuma ser lá mais para o mês de Outubro.
Estava muito calor, pelo menos a sensação térmica devido à humidade dava para o tal "muito", tentei ingerir muitos liquidos, em vez de água limpa estive a beber uma daquelas com sabores antes da partida, a meio da prova deve ter dado de si... Parti para um tempo alvo de 50 min. que me pareceram realistas e até aos 5km fui cumpridor desse ritmo e passei ligeiramente antes do minuto 25, na subida a seguir a Paço de Arcos e antes do Km 7 tive que passar a passo pois tive a sensação que se continuasse iria vomitar, refresquei-me no abastecimento e quando o pacer dos 55 min passou por mim, resolvi voltar ao ritmo de corrida, senti-me bem e deu para terminar dentro dos 55 min.


Gostei da organização, bastante original com as claques na subida de S. Amaro, o Portal dos 9 km, o duche, a chegada foi fluida pois o chip também acaba por engarrafar nas provas grandes...
Vou continuar a correr, até à do Montepio a 26 de Outubro, mais uma de 10 K e depois pensar na Nazaré, tudo passo a passo.
Abraços e boas corridas!

segunda-feira, Maio 12, 2014

Meia Maratona de Setúbal

Olá,
Ontem tinha que voltar a Setúbal para comemorar os 10 anos da minha primeira meia maratona.
Apesar de em 2004 ter apenas 4 meses de corrida, provavelmente estaria mais “treinado” pois o vício estava ainda em crescimento e como tal a motivação em alta. Agora em 2014 menos “treinado” mas já com muitas provas destas nas pernas, acabo por estar menos dedicado e menos motivado para estas andanças, mas mesmo assim acabo por ser surpreendido.
Nunca me tinha passado pela cabeça que o percurso tivesse mudado tanto e isso pagou-se bem caro. Quando fazemos o retorno aos 5 Km no viaduto da estrada da mitrena, estranhei, mas arranjei uma justificação; “deve ser por causa da prova dos 10k e isto vão ser duas voltas iguais…”, no entanto quando na Av. Luisa Todi viramos à direita parecia que íamos fazer a voltinha que antigamente se fazia logo no início, mas quando começamos a subir, subir, subir, (ainda pensei que íamos até ao castelo de Palmela…) entre os 10km e os 15km foi sempre do mesmo,  até ví pessoal a enganar-se no percurso tal como numa prova de trail, até que o obvio aconteceu e começou o regresso a descer até à meta, fiz mais 2 minutos que há 10 anos mas o meu GPS registou mais cerca de 300 metros que uma meia maratona, em 2004 ainda não tinha GPS…. Em Maio ;)
Balanço, muito calor e sol (hoje tenho algumas marcas dele) algum vento, um percurso que me apanhou de surpresa, teria gerido melhor os primeiros 10k, a crise actual leva a que a prova esteja mal medida e se poupe nas placas de km, só vi uma antes dos 6km que tinha o algarismo 7, se há 10 anos estivesse assim faria a prova um pouco mais perdido em termos de ritmo, pois apenas com cronometro e sem experiência tinha-mos que nos guiar pelas marcações existentes e lembro-me que muito ajudaram, ontem os abastecimentos estava bem colocados de 5 em 5 km mas nem aí havia essa indicação.
O balanço é sempre positivo e espero voltar sempre que possível.
Agora conto voltar para a corrida do oriente no início de Junho e aqui sempre que possível.
Abraços e boas corridas,

segunda-feira, Abril 07, 2014

Corrida dos Sinos


Ontem estive de volta a Mafra para fazer os 15 Km da Corrida dos Sinos. É uma das clássicas e sempre que possivel é para ser feita ( a minha primeira foi há 9 anso), muitos participantes, boa organização, óptimo local de chegada.
Desta vez fiz companhia ao Ricardo que estava a fazer a sua primeira prova acima de 10 Km, num ritmo descontraído e "conversacional" até aos 10 fomos juntos mas depois ele quiz abrandar e eu  segui mais ou menos no mesmo ritmo em que estava.

A próxima que tenho programada é a "meia" de Setúbal, que foi a minha primeira há dez anos ;) é sempre bom regressar onde fomos felizes.
Vou tentar arranjar assunto para voltar aqui antes dessa prova.
Abraços e boas corridas

quarta-feira, Abril 02, 2014

Corrida do Benfica - António Leitão


Olá,
Estou de volta às provas e por isso também de volta a este "abandonado" blog. No passado domingo dia 30 de Março estive presente pela primeiravez na corrida do Benfica.
Estava mesmo muita gente, dizem que 12000, e estava mesmo a chover, dizem que a cântaros. Regressei às corridas à cerca de um mês depois de estar parado desde o final de 2013, mais uma vez um regresso moderado sem grandes objectivos e a valorizar principalmente a regularidade quer em provas quer nas corridas semanais.
Recordo mais uma vez que este ano a "minhacorrida" e este blog fazem 10 anos, as prioridades e as motivações mudaram muito, tal como a modalidade tambem mudou muito. 
Este ano gostava de voltar à maratona, vamos ver se consigo... para já na próxima semana foi até Mafra correr os Sinos.
Abraços e boas corridas,

segunda-feira, Dezembro 09, 2013

Meia Maratona dos Descobrimentos


Olá, 
Parece que era a primeira edição, e correu muito bem. Ontem estive na primeira edição da Meia Maratona dos Descobrimentos que veio ocupar o espaço deixado pela Maratona de Lisboa. Ontem e como consequência da "moda" do "running" estiveram mesmo muitos participantes algo impensável há pelo menos 5 anos. Alguma dessa malta mostra-se insatisfeita com pouco e nas redes sociais mostra o seu descontentamento por só ter tido água nos abastecimento e acabei de ler uma frase exemplar "... 21 km só a água nem no deserto...", enfim luxos da modernidade. 
Quanto à minha modesta prestação, classifico-a como muito boa. Esta bastante frio e o nevoeiro matinal não fez a temperatura subir até ao meio-dia e eu costumo dar-me bem com este tipo de condições e apesar de querer um inicio moderado o "motor" precisava de aquecimento e a moderação levou a ritmos mais elevados que o previsto podendo trazer dissabores na parte final. Tal não aconteceu e a ligeira brisa pela costa no regresso acabou por resultar numa prova sempre em crescendo, sendo a segunda metade mais rápida que a primeira ("negative split") e os parciais de 5km sempre melhores até ao fim, a tal sensação boa de estar a ultrapassar em vez de ser ultrapassado, acabei por fazer 1h44m certos cerca de menos 4 minutos que na Nazaré.
Agora nem sei qual será a próxima, mas será já em 2014 - ano em que este blog comemora os 10 anos. 
Abraços e boas corridas!

segunda-feira, Novembro 11, 2013

Canhão da Nazaré


De volta à “mãe” de todas as meias na simpática Nazaré. Depois de no ano passado ter corrido bastante mal, este ano optei por uma abordagem mais conservadora e realista, ritmos controlados e sempre a aumentar por cada módulo de 5km, as boas sensações mantiveram-se até final, é sempre um sinal positivo quando na recta do ultimo km estamos a ultrapassar em vez de sermos ultrapassados.

Com o chamado “running” de regresso à moda, estava muita gente na prova e as famílias em seu redor, criando um ambiente muito acolhedor. Ainda bem que as entidades responsáveis se apercebem do “boost” económico que estes eventos trazem, o outro assunto que tem trazido a Nazaré à opinião pública tem também  sido bem aproveitado estando o próprio Garrett Mcnamara a dar o toque de partida ao lado da grande Rosa Mota. De tarde fomos à zona do farol (onde são tiradas as imagens das ondas gigantes) e a afluência estava fantástica com mares de gente a rumar ao local, ontem com boleias patrocinadas por uma marca de carros alemã…

Agora vou estar de regresso para mais uma meia em Lisboa no dia 8 de Dezembro.

Abraços e boas corridas.